OMS declara fim da epidemia de ebola na Libéria

Notícia postada em 22/06/2015 09:23

Depois de 42 dias sem registro de novos casos, o representante da Organização Mundial da Saúde (OMS), Alex Gasasira, anunciou hoje (9) que a epidemia de ebola foi erradicada na Libéria. A comunicação foi feita em Monróvia, capital do país.

“Hoje, 9 maio de 2015, a OMS declara a Libéria livre da transmissão do vírus do ebola”, disse ele em cerimônia com a presença da presidenta do país, Ellen Johnson Sirleaf. “Quarenta e dois dias passaram-se desde que o último caso foi confirmado em laboratório. A epidemia na Libéria acabou”, acrescentou Gasasira, ao destacar que essa é uma “conquista monumental” para o país.

O cálculo foi feito com base no duplo período de incubação máxima do vírus, 21 dias, depois da última morte, sem que tenham surgido novos casos.

Em um ano, a Libéria contabilizou mais de 4,7 mil mortos e 10,5 mil casos. O pico da epidemia ocorreu entre agosto e setembro de 2014, com o registo de 300 a 400 novos casos semanais.

Alex Gasasira elogiou a determinação do governo e da população do país em combater a epidemia, que foi a pior desde a detecção do vírus em 1976.

Ellen Johnson Sirleaf agradeceu à população os esforços nesse sentido e lembrou os 189 profissionais que lutaram contra a doença e morreram.

Apesar do anúncio, a Libéria terá de manter a vigilância, uma vez que os países vizinhos Serra Leoa e Guiné Conacri ainda enfrentam a epidemia.

No total, o vírus matou mais de 11 mil pessoas, em 26,5 mil casos identificados, sobretudo na Libéria, Serra Leoa e Guiné Conacri.

Fonte: EBC

 

Comente esta notícia