Na Austrália, Brasil conquista medalha de tiro esportivo

Notícia postada em 21/09/2015 22:55

A delegação paralímpica do Brasil encerrou a participação na Copa do Mundo de Tiro Esportivo, em Sydney, na Austrália, com uma medalha de prata por equipes na prova P1 (Pistola de Ar – 10m) SH1 Masculino. Os atletas Geraldo Rosenthal, Ricardo Augusto e Watachos Arrivabene conseguiram o lugar no pódio após marcarem 1611 pontos.

O coordenador técnico da modalidade, Fernando Cardoso Jr., fez uma avaliação do desempenho brasileiro no encerramento da Copa do Mundo. “Fomos agraciados no último dia da competição com mais uma medalha inédita da equipe de pistola, em campeonato no exterior”, declarou Fernando.

Ainda na mesma prova, individualmente, os atiradores não tiveram a mesma sorte. Geraldo Rosenthal ficou no 23º lugar, com 535 pontos; Ricardo Augusto em 17º, fazendo 542; Watachos Arrivabene no 24º, com 534; e Segio Vida, no 26º, marcou 527. Nenhum dos atletas conseguiu o índice mínimo.

Na P2 (Pistola de Ar – 10m) SH1 Feminino, o destaque foi Debora Campos. Ela conquistou o MQS (índice mínimo para os Jogos Paralímpicos Rio-2016) ao marcar 354 pontos, ficando na 16ª colocação.

Carlos Garletti e Helcio Perillo disputaram a prova R6 (Carabina .22 50m – Posição Deitado) SH1 Misto. O primeiro terminou em 22º lugar, com 602, 9 pontos e, Helcio, em 30º, com 595,4. Na R9 (Carabina .22 50m – Deitado) SH2 Misto, Alexandre Galgani levou o 4º lugar, com 601, 9 e na R5 (Carabina de Ar 10m – Posição deitado) SH2 Misto, o atleta ficou em 32º, fazendo 620,6 pontos.

A etapa da Copa do Mundo de tiro esportivo em Sydney contou com a participação de 150 atiradores de 34 países. Foi a penúltima competição classificatória para os Jogos Paralímpicos do Rio-2016. A última será realizada em Fort Benning, nos Estados Unidos, de 3 a 7 de novembro.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Brazil  2016

Comente esta notícia