Hydro Alunorte anuncia suspensão total de operações em Barcarena e Paragominas, no Pará

Notícia postada em 04/10/2018 11:19

A empresa Hydro Alunorte vai suspender 100% das operações na refinaria de Barcarena e na mina de Paragominas, ambas no Pará. De acordo com a Hydro, foi constatado que a área de depósito de resíduos de bauxita, a DRS1, está próxima de atingir sua capacidade máxima.

A empresa atribui a suspensão das atividades a decisão judicial que impede o  uso de filtro prensa e de nova área de depósito, que poderiam ampliar a capacidade de armazenamento dos resíduos. 

O procurador-geral do Estado do Pará, Ophir Cavalcante, afirma que a decisão da Hydro Alunorte causou surpresa. Termo de ajustamento de conduta assinado recentemente prevê ações conjuntas nas áreas ambiental e social. 

O secretário de Meio Ambiente do Pará, Thales Belo, diz que o último laudo sobre o depósito de bauxita DRS1 apontava capacidade de armazenamento até 2019. A secretaria quer entender os motivos que levaram a Hydro a alterar essa previsão. A refinaria em Barcarena e a mina em Paragominas empregam cerca de cinco mil pessoas. 

Um laudo do Instituto Evandro Chagas apontou vazamento de resíduos da refinaria de Barcarena em fevereiro deste ano, após fortes chuvas. A Hydro nega o ocorrido, mas, para cumprir medidas preventivas, em março, já havia reduzido em 50% as operações nas duas unidades. 

Fonte: EBC/Rádio/Foto- (Crédito: Pedrosa Neto/Amazônia Real)

Comente esta notícia