Cardozo determina ação da PRF contra bloqueio de estradas

Notícia postada em 10/11/2015 01:11

Ministro da Justiça diz que movimento é "político" e determina ação imediata da Polícia Rodoviária Federal para desbloquear as vias

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, criticou na noite desta segunda-feira (9) os movimentos de caminhoneiros que, desde o início do dia, realizam bloqueios em estradas pelo País. Segundo o ministro, os protestos tem viés “indiscutivelmente político” e paralisações de rodovias não serão toleradas.

“Não há uma pauta de reivindicações. Nós não temos possibilidade de negociar em cima de questões que não são apresentadas. É uma pauta política, uma pauta que é alimentada por pessoas que querem fazer uma ação política”, disse Cardozo.

O ministro determinou que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) atue “com vigor” e com o efetivo necessário para a liberação das vias. “Nós determinamos que sejam multados todos aqueles que queiram fechar estradas. As multas são altas, mais de R$ 1,9 mil cada”, acrescentou.

De acordo com Cardozo, o movimento tem tido baixa adesão por parte dos caminhoneiros, apesar de pulverizado, pelo fato de as principais entidades sindicais do País se posicionarem contra a paralisação. 

“Na democracia é legítimo que as pessoas se manifestem, mas nunca ferindo o direito de outros, nunca ferindo, como está acontecendo, o direito de ir e vir de pessoas”, criticou.

Fonte: Portal Brasil / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Comente esta notícia